Pular para o conteúdo principal

Postagens

Penta em 2002 confirmou soberania do Brasil em Mundiais

Entretanto, com jejum de 20 anos, rivais se aproximam da quantidade de títulos; Alemanha e Itália são as mais próximas
A primeira Copa do Mundo de Futebol da FIFA do século XXI foi também um torneio repleto de marcos importantes. A começar por ter sido, depois de 72 anos, a primeira Copa fora da América e da Europa. E a primeira a ter duas sedes. Japão e Coréia do Sul sediaram aquele que foi o primeiro Mundial do continente asiático. Foi ali que o mundo viu o ressurgimento da Seleção Brasileira.

Desacreditada, o Brasil quase não foi para o mundial de 2002. A campanha vexatória na Copa América de 2001 e nas eliminatórias (a vaga só foi garantida na última rodada) colocavam ainda mais pressão no time comandado por Luiz Felipe Scolari.




Vale ressaltar que, para 2002, o Brasil buscava um feito que, até aquele momento, somente a Alemanha havia alcançado: três finais de Copa do Mundo seguidas. A Alemanha foi finalista de 1982 (perdendo para a Itália), 1986 (perdendo para a Argentina) e 1990 …
Postagens recentes

Editor de #OAlanbrado participa de programa esportivo em web rádio

"Rebatida" é a hora esportiva semanal da Rádio Itatiba; programa que comenta sobre assuntos futebolísticos está disponível na íntegra pela internet
São Paulo e Corinthians jogaram por competições internacionais e suas participações foram bastante comentadas pelos fãs do futebol brasileiro. Por parte do Tricolor do Morumbi, a eliminação vexatória na segunda fase da Conmebol Libertadores 2019 rendeu memes e muitas críticas ao clube. Já do lado corinthiano, a preocupação pela continuidade do time na Conmebol Sul-Americana também foi motivo de muitos comentários.

As duas equipes se enfrentaram no domingo seguinte, em Itaquera. O jogo foi vencido pelos donos de casa. 
Comentando os principais momentos do futebol, #OAlanbradofoi convidado do programa esportivo "Rebatida", exibido ao vivo pela Rádio Itatiba, web rádio com programação variada e que está sediada no município paulista de mesmo nome. A participação foi no dia 15 de fevereiro e está disponível na íntegra pela i…

Mesmo sem tradição, brasileiros aprovam Olimpíada de Inverno

Olimpíada é algo tão maravilhoso que deveria acontecer todo ano. Em 2018, PyeongChangm, na Coreia do Sul, foi palco da 23ª edição dos Jogos de Inverno. A competição foi disputada de 9 a 25 de fevereiro.
Com 9 atletas, o Brasil marcou presença nas disputas dos esportes pouco comuns a um país tropical como o nosso. Sem contar o fuso horário; a maioria das disputas aconteceram em plena madrugada brasileira. Mesmo assim, os internautas acompanharam os jogos e mostraram-se entendidos e curiosos pela Olimpíada.
Com transmissão em TV aberta (via TV Globo, inclusive com jogos ao vivo), e SporTV, na fechada, um conceito já 'antigo' mas que ainda faz muito sentido é o de Segunda Tela: a TV e a internet, mais do que rivais, são complementares.
Tanto Twitter quanto o Facebook registraram grande engajamento com as disputas. Em levantamento qualitativo da Kantar IBOPE, 21% das mensagens dos brasileiros pelo Twitter apresentavam sentimento positivo (menções com sentimentos negativos foram ap…

Álbum da Copa 2018 está disponível para compra em pré-venda

Além da expectativa pelo início da bola rolando na Rússia, o mundo do futebol também aguarda ansiosamente pelo lançamento do álbum da Copa. Desde 1970, a organização do álbum oficial do maior torneio do futebol é responsabilidade da editora italiana Panini, inclusive o da Copa de 2014, realizada no Brasil. A Saraiva, por meio do site online, abriu a pré-venda para adquirir a versão premium do álbum, que inclui um encarte com o álbum versão capa dura mais um kit com 60 figurinhas (12 envelopes, segundo a descrição no site).
A reserva para garantir o álbum custa R$ 49,90, mesmo preço da versão semelhante do último álbum da Copa. O lançamento está marcado, até o momento, para 27 de março, época em que os álbuns costumam ser lançados.



Para este ano, ainda não existem muitas informações, mas o álbum deve conter as mesmas características dos demais: espaço para logo, bola oficial, mascote, estádios e todas as 32 seleções e seus principais jogadores; como sempre, é aguardado também os erros…

Lance! completa 20 anos e enfrenta crise no jornalismo impresso

Diário esportivo mais importante do país fica atrás na disputa com o conteúdo na internet

Pioneirismo foi a marca do Diário Lance! desde seu lançamento em outubro de 1997. A ousadia de seus criadores fez da publicação uma das mais importantes e relevantes do jornalismo brasileiro nas duas últimas décadas. Porém, o jornal passa por momentos conturbados e, na competição com a internet, a impressão que se tem é a de que o Lance! fica para trás.
O Lance!, por seu espírito jovem e inovador, conseguiu desbancar o tradicionalíssimo A Gazeta Esportiva, que, no início deste século, decretou seu fim, permanecendo apenas como agência de notícias esportivas. Anos mais tarde, o Jornal dos Sports, no Rio de Janeiro, também encerrou suas atividades.



Walter de Mattos Jr., fundador do Lance!, coordenou uma empreitada, acima de tudo, corajosa. Lançar um impresso no Brasil é um processo em que poucos se destacam. São poucas as famílias e os grupos que possuem um veículo com certo alcance nacional. 
Fund…

Há um ano, presidente do COB revelava quem pagaria pelos Jogos: 'Você paga'

Em entrevista pouco antes da Olimpíada, Carlos Arthur Nuzman irritou-se com pergunta de repórter; um ano após os Jogos, legado ainda é discutível
O Brasil foi palco da primeira Olimpíada da América do Sul. O Rio de Janeiro celebrou a maior festa do esporte mundial em meio a muitas incertezas. Dentro dos centros de disputa e por parte da torcida, a festa foi bonita. Da parte administrativa, o desejo de que deveria ter sido melhor ainda é constante.



Os Jogos do Rio foram disputados em agosto de 2016. De lá para cá, parte do legado olímpico prometido desde a escolha da cidade como sede dos Jogos ainda é esperado pelos cidadãos e esportistas. O brasileiro ainda pagará por algum tempo esses bilhões (valor exato que ainda é incerto) investidos para as disputas.


#OAlanbrado no Pódio: Relembre nossa cobertura especial dos Jogos Olímpicos RIO 2016
Politicamente, o país vive uma crise que há muito tempo não se via. O reflexo causado pelas incertezas políticas e econômicas ainda refletem na vida d…

Sem Brasil, Copa das Confederações começa esvaziada

Pela primeira vez em vinte anos, Seleção Brasileira não participa da competição que serve como teste para Rússia, sede da Copa do Mundo que vem

Há quatro anos, o Brasil vivia um clima tenso. Os problemas políticos, combinados com a ira popular contra o poder público e desconfiança internacional com o país, causaram grandes manifestações em toda a parte. Estávamos prestes a realizar, pela primeira vez, a Copa das Confederações. Este evento foi criado pela FIFA para testar o país que recebe a Copa do Mundo de Futebol. Em 2013, foram muitas falhas, mas que, no final, foi uma festa bem interessante dentro dos estádios. Fora, as tensões eram cada vez mais intensas. 
A Seleção Brasileira, comandada pelo técnico Felipão, chegou ao tetracampeonato, isolando-se como maior vencedor. A vitória sobre a Espanha em um Maracanã lotado encheu o torcedor de esperança, que foi estraçalhada um ano depois, na semifinal da Copa. 
Mas não foi só em 2013 que o campeão deste torneio-teste decepciona no Mundial …